A Quinta

Origem

A "Quinta do Galo" surge da fusão de vários prédios, uns herdados, outros adquiridos pelo seu proprietário José Gabriel Nogueira, que sempre sonhou em construir uma quinta que reflectisse o saudosismo pelo labor dos seus antepassados e o prazer de estar em contacto com a natureza.

Visando este sonho, o seu proprietário tem-se dedicado a transformar a quinta, desde 1992, num espaço que proporcionasse o contacto com a natureza e com os animais, num ambiente de aprendizagem e interactividade – uma Quinta Pedagógica.

Dado a manutenção dispendiosa de uma quinta desta dimensão, foi necessário rentabilizá-la. Surgem, assim, diversas actividades económicas associadas a Serviços e Lazer no Espaço Rural.

A origem do nome da quinta deveu-se à predilecção do proprietário por aves de capoeira e à existência (nos primórdios da quinta) de um galo que se salientava dos restantes pela sua altivez e agressividade. Este tornou-se rapidamente conhecido por todos os visitantes e figura indissociável da quinta. Sabendo que o Galo fora adoptado por povos e nações como sinónimo de alegria, festividade, de nobres causas, de bravura, de tenacidade e de luta pela liberdade, logo se tornou símbolo e nome desta quinta.